logo-site-fenapestalozzi (ok)

Nossa história

Nossa história

Movimento Pestalozziano

O Movimento Pestalozziano iniciou no Brasil em 1926 no estado do Rio Grande do Sul, com a criação da Associação Pestalozzi de Canoas, pelo Professor Thiago Wurth. Logo após, chega a educadora Helena Antipoff, trazendo o legado e aprendizado obtido com Johann Heinrich Pestalozzi, enfatizando o trabalho na reabilitação e na formação de recursos humanos no atendimento à pessoa com deficiência.

Durante os mais de 90 anos de atuação, o Movimento Pestalozziano se expandiu, chegando às 5 regiões do país, 20 estados e no Distrito Federal.    Distribuídos entre Associações, Federações e Entidades Análogas.

O Movimento Pestalozziano se baseia nas premissas: amor e esperança, que sustentam o esforço individual e coletivo pela educação, reabilitação e inclusão da pessoa com deficiência. Dessa forma, cada afiliada implanta e desenvolve projetos e ações para seus assistidos, oferecendo serviços e atendimentos especializados.

Missão

Representar o Movimento Pestalozziano perante os organismos nacionais e internacionais para o desenvolvimento de programas, projetos, serviços e ações de defesa e garantia de direitos destinados às pessoas com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e funcionais, pessoas com altas habilidades/ superdotação e seus familiares, na perspectiva de sua plena inclusão social.

Visão

Expandir o Movimento Pestalozziano em todo o território nacional, resguardando e divulgando os seus princípios filosóficos, envolvendo o maior número de pessoas com e sem deficiência.